Coloque abaixo seu melhor e-mail e fique por dentro das novidades

domingo, 27 de maio de 2012

825 vagas e mais de 5 mil reais - Analista de Políticas Sociais

Muito se falou sobre a autorização para o concurso da Receita Federal na sexta-feira, dia 25/05/2012. Sem dúvida é uma das melhores e mais procuradas carreiras do país.

Mas você sabia que saiu a autorização de outro cargo para 825 vagas, com vencimentos iniciais de mais de R$ 5.000,00?

Pois é, foi autorizado o quantitativo de 825 vagas para Analista de Políticas Sociais, um novo cargo do Poder Executivo Federal, chamado em Brasília de “Gestor Light”, em referência a concorrida carreira de Especialista de Políticas Públicas e Gestão Governamental (a qual tem remuneração inicial de R$ 13 mil).

É uma carreira nova e será o primeiro concurso. Serão 5 áreas:
I - Gestão Social;
II - Previdência;
III - Assistência Social;
IV - Educação; e
V - Saúde.

A lotação é a seguinte:

Órgão/Quantidade de vagas

Ministério da Saúde 500
Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome 116
Secretaria de Direitos Humanos 10
Secretaria de Políticas de Promoção da Igualdade Racial 15
Secretaria de Políticas para as Mulheres 15
Ministério da Educação 30
Ministério da Previdência Social 20
Ministério da Justiça 5
Ministério das Cidades 10
Ministério do Desenvolvimento Agrário 10
Ministério do Desenvolvimento Social e Combate à Fome 84
Ministério do Trabalho e Emprego 10

Na lei do cargo o concurso é de provas e títulos e pode exigir formação específica. Assim, possivelmente será exigida formação relacionada a cada uma dessas áreas acima. Por exemplo, formação na área de saúde (ex: enfermagem, farmácia, etc) para concorrer às respectivas vagas; formação na área social (ex: ciências sociais) para Assistência Social. Isso tudo é palpite.

A banca favorita para o concurso é a ESAF. Ninguém sabe ao certo quais serão as matérias, mas possivelmente as básicas englobarão Português, Direito Constitucional, Direito Administrativo, Administração Pública e Políticas Públicas.

Algumas informações adicionais:

_ A denominação é Carreira de Desenvolvimento de Políticas Sociais, composta pelos cargos de Analista Técnico de Políticas Sociais, de nível superior.
_ Já foram criados, portanto já estão vagos, 2.400 (dois mil e quatrocentos) cargos efetivos de Analista Técnico de Políticas Sociais.
_ O ingresso nos cargos dar-se-á por meio de concurso público de provas e títulos, respeitada a legislação específica.
_ O concurso público poderá, quando couber, ser realizado por áreas de especialização e organizado em uma ou mais fases, incluindo, se for o caso, curso de formação, conforme dispuser o edital de convocação do certame, observada a legislação pertinente.
_ O edital definirá as características de cada etapa do concurso público e a formação especializada, bem como os critérios eliminatórios e classificatórios. O ingresso nos cargos exige diploma de graduação em nível superior e habilitação específica, conforme as atribuições do cargo em cada área de especialização.
_ Ato do Ministro de Estado do respectivo órgão de lotação definirá a habilitação específica exigida para o ingresso nos cargos da Carreira de Desenvolvimento de Políticas Sociais.

Em resumo, aconselho a se preparar para a prova, o concurseiro:

1) que não se importar de residir em Brasília;

2) formado nas áreas relacionadas à Gestão Social, Previdência, Assistência Social, Educação ou Saúde.

3) que não irá fazer a prova da Receita Federal, pois a parte específica da prova tende a ser “realmente específica”, bem voltada para as áreas citadas acima.

Mais novidades posto aqui!

Forte abraço!

1 comentários:

Excelente informação!
sou formado em ciências sociais, habilitado em sociologia. Acredito que minha formação estara dentro das possiveis ? ou não ?
Vc tem alguma ideia de materias q devem ser cobradas ??

Postar um comentário

Tire duvidas e mande sugestões.

Twitter Orkut Facebook Digg Stumbleupon Favorites More